JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS

JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS
DE OLHO NO RADAR

BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS, AO BLOG DO JORNALISTA WLAMIR(CHINA) DO JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS, ONDE SUA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA, SEJA UM SEGUIDOR DO BLOG.

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

GOVERNO FEDERAL: Café com a Presidenta: Ciência Sem Fronteiras passa a oferecer bolsa para mestrado profissional.

A presidenta Dilma Rousseff anunciou, nesta segunda-feira (2), no Café com a Presidenta, que o Programa Ciência sem Fronteiras começa a oferecer, a partir de hoje, bolsas de estudo no exterior também para o mestrado profissional, com duração de dois anos e formação específica, voltada para o mercado de trabalho. Ao todo, em dois anos, já foram concedidas 60 mil bolsas para jovens brasileiros estudarem nas melhores universidades do mundo.
“Dessas bolsas, 48 mil são para estudantes da graduação, para que eles façam uma parte do seu curso no exterior e, depois, voltem para concluir o curso na faculdade aqui no Brasil. Essa experiência no exterior está enriquecendo muito a formação desses jovens. Eles têm acesso às últimas novidades em suas áreas de conhecimento e se preparam para o mercado de trabalho cada vez mais competitivo”, afirmou Dilma.
Segundo a presidenta, o mestrado profissional, anunciado nesta segunda, é perfeito para quem concluiu o ensino superior e precisa “ desenvolver ou aperfeiçoar seu conhecimento para aplicá-lo na sua vida profissional, na empresa ou na indústria onde trabalha”. As primeiras bolsas oferecidas serão nas melhores universidades dos Estados Unidos, como Harvard, Columbia, MIT, Illinois, Stanford, Carnegie Mellon e Yale.
“Essas bolsas de mestrado profissional são para as mesmas áreas prioritárias do Ciência sem Fronteiras, como Engenharia, Ciências Exatas, como Matemática, Química, Física, Biologia, Ciências Médicas, Ciências da Computação, Ciências da Área de Energia e Ciências da Natureza. Eu tenho certeza que essa nova modalidade de bolsa do Ciência sem Fronteiras vai ajudar a dar um salto na formação profissional e tecnológica dos trabalhadores nas nossas empresas”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário