JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS

JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS
DE OLHO NO RADAR

BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS, AO BLOG DO JORNALISTA WLAMIR(CHINA) DO JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS, ONDE SUA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA, SEJA UM SEGUIDOR DO BLOG.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Abatiá...Recapeamento com recursos dos próprios

Rua Recapeada em frente a Escola Dom Bosco

Prefeito Irton e Funcionários


Em entrevista ao Blog, o prefeito Irton da 7, disse que esta recapeando as ruas de Abatiá com recursos próprios, e que seu sonho de deixar as vilas asfaltadas esta bem próximo de se tornar realidade. Irton afirmou ainda ter gasto $ 37.000,00 reais no mês anterior, em combustíveis, com 60 veículos rodando e os que não estão rodando que são os Escolares, estão em manuntenção, garantindo assim a segurança dos passageiros e dos motoristas. Abatiá em relação a muitas cidades quase do mesmo porte vem se destacando pela seriedade como é conduzido a administração pública, afirmou o prefeito Irton da 7 ao blog.

Pedro Lupion e grupo de prefeitos reúnem-se com secretário da saúde‏

Pedro Lupion, Secretário e Prefeitos

















O deputado estadual Pedro Lupion (DEM) esteve,  reunido com o secretário estadual da saúde, Michele Caputo Neto, juntamente com um grupo de prefeitos, para apresentação de um projeto de integração da saúde que contempla os municípios de Ribeirão Claro, Jacarezinho, Guapirama, Joaquim Távora e Carlópolis (G5).
Segundo Pedro Lupion, a idéia do projeto, consórcio intermunicipal para o desenvolvimento regional, é resolver um problema comum dos cinco municípios: o alto custo do deslocamento de um paciente à capital paranaense, para consultas, exames ou intervenções cirúrgicas.
No projeto apresentado pelo grupo um ônibus cumpriria um itinerário pré-estabelecido entre os cinco municípios pegaria, em cada uma das cidades, os pacientes que necessitam de consultas e se dirigiria a Curitiba para os devidos atendimentos médicos. Pela proposta, além do transporte o paciente que chegasse à capital teria uma casa de apoio enquanto estivesse na cidade. 
De acordo com o prefeito de Ribeirão Claro, Geraldo Maurício Araújo, o projeto “Linha da Saúde” visa otimizar a saúde desses municípios com o amparo ao paciente que deixa sua residência no interior do estado e vai a um hospital de Curitiba para uma assistência médica. “Diariamente inúmeras pessoas adoentadas saem do interior do estado e vão à capital para tratar de algum problema de saúde. O município sozinho não tem condições de dar a assistência ideal que esse paciente precisa. Nosso objetivo é dividir com o estado e dar um suporte melhor ao cidadão em um momento tão necessário e, ao mesmo tempo, ter um controle maior dos procedimentos realizados fora do município”, colocou o prefeito.

Foto da Assessoria de Imprensa para divulgação: Na foto, prefeita de Jacarezinho Tina Toneti, prefeito de Ribeirão Claro, Geraldo Maurício Araújo, Secretário Caputo, Pedro Lupion e o prefeito de Guapirama Edui Gonçalves.

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Aconteceu em Santa Amélia...cadê o Médico?

Na noite do dia 15 de Julho aproximadamente  as 23:00 horas o morador de Santa Amélia Diego, morador no Jardin Progresso, foi até o hospital com sua esposa grávida de 8 meses, pedir um atendimento. A enfermeira plantonista fez a triagem e ligou para o médico, que não se encontrava no hospital, e para surpresa dos moradores, o médico disse que não iria atender a paciente. Revoltado o senhor Diego levou sua esposa até a cidade de Bandeirantes, onde finalmente pode ser atendida. O senhor diego procurou a reportagem do Jornal e da Rádio FM Santa Amélia, onde foi amplamente discutido este assunto no Programa a Hora da Lenha. Lamentamos o fato de mais uma vez a população não ser atendida pelo médico plantonista de nome ainda desconhecido, lembrando que existe apenas 2 médicos plantonistas no Hospital segundo informações o Dr. Samir e Dr. Carlos, isso porque o atual prefeito prometeu saúde de primeiro mundo para a população de Santa Amélia. "afirmou o presidente do PT de Santa Amélia popular CHINA.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Motorista sem Habilitação, atravessa sinal vermelho e mata um ex- morador de Santa Amélia.

Fotos da colisão.
(Litoral em Páginas.com)

Sandro Junior Pelissari.




A família Pelissari, moradores de Santa Amélia, e de Bandeirantes, infelizemente perderam seu ente-querido o Sandro, que faleceu após uma batida em Curitiba, quando um motorista sem habilitação, causou a tragédia.
Um grave acidente no cruzamento da rua Dr. João Tobias Pinto Rebelo, a via rápida sentido bairro, com a rua Itatiaia, no bairro Portão, em Curitiba, provocou a morte instantânea de Sandro Junior Pelissari, carinhosamente conhecido na cidade de Santa Amélia, como (Leitão), na madrugada deste sábado (9). Uma testemunha que afirma ter visto o exato momento do acidente, conta que, ao cruzar uma preferencial, o motorista de um Astra, Cícero Ferreira Melo Neto, 20 anos, bateu contra uma motocicleta CG Titan, conduzida por Sandro Junio Pelissari, 25, que morreu na hora.
A colisão aconteceu perto das 2h30  da madrugada. O impacto foi muito forte e chegou a quebrar a moto ao meio.
Policiais militares levantaram que Cícero não possui carteira de habilitação. Rosaldo dos Santos, funcionário de uma lanchonete na esquina do acidente, contou à Banda B que o Astra seguida pela rápida e avançou o semáforo que estava fechado para ele. "O sinal estava fechado, prestes a abrir, quando o condutor do Astra avançou o sinal. A moto passou e o Astra pegou em cheio. Foi uma imprudência. O carro estava a mais de 60 km/h e nem freou. Foi terrível. O tanque da moto chegou a sair e o capacete fo motociclista voou longe", disse Santos.
O subtenente Eloir Padilha, do Bptran, explica o que foi apurado no local. "O motorista do Astra não possui habilitação, mas não apresenta sinais de embriaguez, inclusive ele se voluntariou para fazer o exame de bafômetro. Não podemos precisar quem avançou o sinal, vamos ver o que a testemunha vai declarar", disse o policial antes de ouvir a testemunha.
O motorista foi encaminhado para a Delegacia de Delitos de Trânsito. O corpo da vítima foi encaminhado para o Insituto Médico Legald e Curitiba. O Jornal Caderno de Notícias e a Rádio 87,9 Fm de Santa Amélia, se une  a todos os familiares, pedindo a Deus,  muita força e proteção .

quinta-feira, 7 de julho de 2011

ROUBO DE CAMINHÃO E CAFÉ DA PROPRIEDADE DE JORGE FUZIKI DE STA. AMÉLIA

CAMINHÃO RECUPERADO DO CAFEICULTOR JORGE FUZIKI.



Na noite do dia 05 de Julho por volta das 19:30 horas, a propriedade do senhor Jorge Fuziki, próximo a cidade de Santa Amélia, foi invadida por 5 ladrões fortemente armados e realizaram o assalto levando o caminhão foto acima, carregado de café. Os ladrões obrigaram os funcionários da propriedade carregarem o caminhão. No site da Rádio Cabiúna saiu a seguinte nota:  No município de Santa Mariana, por volta de 15h50m do dia 06 de Julho 2011, equipes PM da ROTAM / ALI / e de Radiopatrulhas do 18° BPM, efetuaram a prisão de um quadrilheiro, por primeiro nome Clelson, 39 anos, que em data anterior de 05 de Julho, juntamente com outros cúmplices (estes ainda não localizados) roubaram caminhão de transporte de café (M. Benz / placa AHR-5528 / Verde. O meliante foi devidamente reconhecido pela vítima e, portanto, conduzido junto ao caminhão apreendido para o devido procedimento legal.
Ressalte-se que diligências estão sendo desencadeadas no intuito de capturar os demais integrantes da quadrilha, bem como, de recuperar a carga de café. Seção de Comunicação Social do 18° BPM1° Ten. Berleze - Oficial P/5Sd Contardi - Auxiliar P/5.  Na manhã desta quinta-feira dia 07, o sargento Feliciano confirmou em entrevista á Radio FM Santa Amélia, no programa a Hora da Lenha, a prisão de um dos miliantes e disse que as investigações continuam e ele acredita que estão próximos dos demais, disse ainda que a carga ainda não foi recuperada, e que o empenho de toda a polícia deva esclarecer os fatos o mais breve possível.

Governador sanciona lei da transparência para as prefeituras e câmaras municipais‏

Governador sanciona lei da transparência para as prefeituras e câmaras municipais
Para Pedro Lupion a (DEM), iniciativa é um ato de respeito para com a população


O governador Beto Richa (PSDB) sancionou, nesta quarta-feira (6), em cerimônia no Palácio das Araucárias, a lei que amplia a transparência às 399 Prefeituras e Câmaras Municipais do Estado. O projeto de lei complementar nº 350/11, de autoria dos deputados Valdir Rossoni (PSDB) e Plauto Miró Guimarães (DEM) obriga a divulgação, no Diário Oficial do Estado e na mídia impressa, de todos os atos administrativos praticados pelos poderes Executivo e Legislativo municipais

Para o deputado estadual Pedro Lupion (DEM), presente à solenidade, a iniciativa vai permitir que todos os atos dos poderes públicos municipais estejam ao acesso da população livremente, para que ela saiba a origem, a destinação e os fundamentos pelos quais foram produzidos tais atos. “Toda ação que incentiva a transparência na atividade pública é extremamente positiva, uma vez que aproxima os poderes municipais da população. Essa lei é acima de tudo um respeito para com a sociedade”, salienta o deputado.

Outra questão que o parlamentar vislumbra na lei de transparência é que, além dos poderes executivos e legislativos municipais, as respectivas administrações diretas e indiretas, que envolvam as despesas públicas, também deverão publicar seus atos em edital.

Pedro Lupion lembra que a Lei de Transparência Estadual regulamenta parágrafos do artigo 27 da Constituição Estadual e amplia as obrigações que limitava o dever de publicação apenas aos atos oficiais dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, no âmbito estadual, bem como ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas.

O governador Beto Richa enfatizou que a palavra chave do seu governo é respeito, e que desde o primeiro momento declarou total apoio à Lei da Transparência Estadual. “Hoje tenho a felicidade de governar o Paraná de um jeito diferente, com diálogo. O governante precisa tratar a imprensa com respeito. E vamos continuar defendendo uma imprensa livre e atuante. E esta lei vai dar publicidade e transparência às ações do poder público municipal”, disse o governador Beto Richa.

De acordo com a Lei, a escolha dos veículos para publicação dos atos das prefeituras e câmaras municipais na mídia impressa será feita por meio de licitação, permitindo a participação de jornais de ampla circulação municipal ou regional. Após a sanção da lei, os municípios terão até 1º de janeiro de 2012 para adequação às exigências, que serão fiscalizadas pelo Tribunal de Contas. Além dos editais os atos também devem estar disponíveis eletronicamente para consulta da população.