JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS

JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS
DE OLHO NO RADAR

BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS, AO BLOG DO JORNALISTA WLAMIR(CHINA) DO JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS, ONDE SUA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA, SEJA UM SEGUIDOR DO BLOG.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Xuxo em Bingo......Carlópolis

Estamos apurando um possível esquema de um bingo, onde o ganhador já era conhecido antes mesmo de concorrer. Aconteceu na cidade de Carlópolis segundo informações preliminares. Um site da região divulgou a notícia. Nossa reportagem tentou entrar em contato com os organizadores do evento sem sucesso. O ganhador foi divulgado como um pedreiro da cidade de Maringá. Estamos de Olho no radar, para apurar os fatos.

Governo beneficia 23 mil produtores com programa de calcário‏

Governador Beto Richa.


Deputado Pedro Lupion elogia iniciativa, que melhora      condições de trabalho no campo

O deputado estadual Pedro Lupion (DEM) participou hoje (28) da assinatura do convênio para adesão dos municípios ao projeto de apoio ao manejo e fertilidade dos solos, Programa Calcário, firmado entre o governo do estado e as prefeituras, que deve beneficiar cerca de 23 mil produtores rurais.

O lançamento do programa, voltado à agricultura familiar, aconteceu no Palácio das Araucárias e foi formalizado com as assinaturas do governador Beto Richa (PSDB) e do secretário de Agricultura e Abastecimento, Norberto Ortigara.

Segundo o governador o programa vai distribuir 220 toneladas de calcário para pequenos produtores rurais do Paraná. O investimento na aquisição do insumo é de R$ 12 milhões e tem o objetivo de aumentar a produtividade agrícola e a  fertilidade do solo de propriedades em 232 municípios.

Para o deputado Pedro Lupion, presidente do Bloco Agropecuário da Assembleia Legislativa, a iniciativa do governo do Paraná em retomar o programa do calcário é extremamente positiva. “O calcário é um insumo utilizado para correção da acidez dos solos. Esse programa visa aumentar a produtividade das propriedades da agricultura familiar, o que refletirá em mais recursos e melhores condições de trabalho e qualidade de vida ao pequeno produtor", destacou o parlamentar.

O secretário da Agricultura explicou que o programa vai priorizar a distribuição e uso do calcário a agricultores familiares mais carentes, em localidades com elevada taxa de pobreza, onde haja comunidades indígenas e quilombolas e que  tenham microbacias planejadas dentro das práticas conservacionistas de uso e manejo de solo e água. Segundo Ortigara, cada prefeitura vai receber até o valor máximo de R$ 70 mil para a compra do calcário.

O deputado Lupion destacou que a agricultura do Paraná, que já tem seu lugar de destaque no cenário nacional e mundial, crescerá ainda mais com o incentivo do programa calcário junto aos pequenos produtores. “Nosso estado é uma referência no setor agrícola, o repasse de calcário é um apoio concreto que irá trazer mais desenvolvimento ao campo”, prevê.

Nesse primeiro ato foram assinados convênios com 92 municípios. Na segunda etapa, em outubro, serão atendidos 140 municípios. O atendimento será limitado em 10 toneladas de calcário por agricultor, que deve ser selecionado pelo Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e/ou pelas prefeituras e Emater.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

CANO DO ANO EM ABATIÁ

Estamos colhendo informações sobre um  possível desfalque que pode chegar a casa de meio milhão de reais em Abatiá, praticado por um Mercado da cidade. Estaremos divulgando o nome do mercado e seus proprietários, mas o pânico é grande entre os fornecedores. Provavelmente na quinta-feira dia 29 estaremos divulgando a matéria na íntegra do CANO DO ANO em Abatiá.

Assembleia entrega título de Cidadão Honorário ao desembargador João Kopytowski

Proposto pelo deputado Pedro Lupion (DEM), o desembargador João Kopytowski recebeu o título de Cidadão Honorário do Estado.
O desembargador João Kopytowski recebeu nesta segunda-feira (26) o título de Cidadão Honorário do Paraná. A homenagem aconteceu no Plenário da Assembleia Legislativa e foi proposta pelo deputado estadual Pedro Lupion (DEM): "O Paraná recebe como seu filho honorário alguém que adotou o Estado para fazer o bem, difundir valores e espalhar o direito. Hoje é, portanto, um dia de reconhecimento. E porque não dizer: uma tarde de justiça”, declarou Lupion.
Segundo o presidente do Legislativo Estadual, Valdir Rossoni (PSDB), o homenageado “foi o responsável por uma nova forma de atuação da Justiça em nosso Estado, iniciada quando trabalhou nas subseções judiciárias de Cascavel e Foz do Iguaçu, em que foi preciso atuar de maneira itinerante para levar a Justiça até a população das 22 cidades da região”. Rossoni destacou que “o trabalho inovador foi aplicado também quando realizou uma ampla modernização e, porque não dizermos, uma revolução, na Justiça de nosso Estado”, frisou.
Para Pedro Lupion, “falar do desembargador João Kopytowski não é uma missão fácil”, são anos de realizações e exemplos de uma conduta ilibada. “Itaiópolis, em Santa Catarina, deve saber que tem um filho que hoje é o novo Cidadão Honorário do Paraná. Um homem que sabe ser implacável quando necessário e afável quando preciso, duro na aplicação dos valores e limpo como a água cristalina”, acrescentou.
O propositor da homenagem destacou ainda que “como cidadão e como magistrado, o Dr. João foi estabelecendo um pacto de credibilidade com os paranaenses. Como no ensinamento de Norberto Bobbio, nunca lhe motivou o exercício do poder, porque sempre exerceu sua função como missão. E, procedendo assim, conquistou o mais importante poder, que é o poder moral”.
Topo da carreira – “Estou atingindo o topo da minha carreira, depois de 52 anos de prestação de serviços públicos, com muito orgulho”, afirmou o desembargador Kopytowski, ao falar sobre o título de Cidadão Honorário do Paraná. Ele lembrou, emocionado, do tempo de menino em Santa Catarina, de sua juventude quando chegou ao Paraná, e também das inúmeras etapas de sua carreira iniciada com a aprovação ao cargo de juiz. Revelou ainda que não tem planos de encerrar suas atividades: “Vou descansar, organizar a minha vida e depois pretendo me dedicar a estudos ligados à defesa ambiental e ao combate da criminalidade em geral. Especialmente, em relação às drogas e à violência no trânsito, que ainda tanto matam em nosso país”, sublinhou.
Currículo - Kopytowski aposentou-se neste mês de setembro, quando completou 70 anos de idade. Ele nasceu em Itaiópolis (SC) e vive no Paraná desde 1959, onde casou com dona Inacita e é pai de Joacita Kopytowski Tafuri, diretora Administrativa da Justiça Federal do Paraná; e de João Kopytowski Filho, engenheiro agrônomo, doutor em Microbiologia, atualmente pesquisador no Havaí (EUA). Ingressou na carreira pública no ano de 1961, trabalhando na Secretaria de Viação e Obras Públicas e na Procuradoria Geral de Justiça do Estado. Graduado bacharel pela Faculdade de Direito de Curitiba em 1969, foi aprovado no mesmo ano no concurso para ingresso na carreira da magistratura paranaense. Pós-graduou-se pela Escola Superior de Guerra e Altos Estudos Amazônicos (ESG), no Rio de Janeiro, em 1978.
Durante dois anos, atuou como juiz itinerante, exercendo a judicatura nas subseções judiciárias de Cascavel e Foz do Iguaçu, as quais abrangiam 22 municípios. Foi juiz de Direito nas comarcas de Coronel Vivida, Santa Mariana, Foz do Iguaçu, Araucária, São José dos Pinhais e nesta Capital. Nos onze anos em que presidiu o 2º Tribunal do Júri de Curitiba, teve o reconhecimento do meio jurídico e da mídia nacional, em razão da modernização e agilização que empreendeu na Justiça. Integrou o extinto Tribunal de Alçada e depois assumiu o cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná.
Entre as condecorações recebidas, destacam-se as Medalhas Coronel Sarmento (Polícia Militar do Paraná), Amigo da Marinha do Brasil, de Pacificador (Exército Brasileiro), do Mérito Santos Dumont (Força Aérea Brasileira). Recebeu também as insígnias de Honra ao Mérito Militar, concedida pela Presidência da República; Mérito do Ministé¬rio Público Militar, outorgada pela Procuradoria-Geral da República; e Mérito pela Valorização da Vida, da Secretaria Nacional de Política sobre Drogas, do Ministério da Justiça, pelos relevantes serviços prestados.
Nas homenagens internacionais, destacam-se o reconhecimento da polícia federal norte-americana especializada no combate ao tráfico de drogas internacional (DEA), da polícia federal criminal alemã e da polícia montada do Canadá, pelas orientações jurídicas prestadas para o combate ao narcotráfico intercontinental. Recebeu menções elogiosas das Câmaras Municipais de Curitiba, de São José dos Pinhais e de Foz do Iguaçu, bem como da Assembleia Legislativa do Paraná e da Câmara Federal. É Cidadão Honorário de Santa Mariana (1985), São José dos Pinhais (1988), Curitiba (1994) e Foz do Iguaçu (2006). Em 2007, recebeu o título de Cidadão Benemérito de Itaiópolis, sua terra natal.
A sessão especial contou com as presenças do desembargador Onésimo Mendonça de Anunciação, 1º vice-presidente do Tribunal de Justiça; dos deputados federais Abelardo Lupion (DEM) e Fernando Francischini (PSDB); do Procurador Geral Olympio de Sá Sotto Maior Neto; da Subprocuradora Geral de Curitiba, Rosa Maria Alves Pedroso, representando o prefeito de Curitiba; do deputado Plauto Miró, 1º secretário da Assembleia; e do presidente da OAB-PR, José Lúcio Glomb, além de inúmeras outras autoridades, amigos e familiares do homenageado.

domingo, 18 de setembro de 2011

ABATIA .... Município, pode perder recurso já depositado em conta.

PREFEITO IRTON DA 7 DE ABATIA, LAMENTA A DECISÃO DA CÂMARA E DIZ, QUE
ALGUNS VEREADORES FIZERAM GOL CONTRA, VOTANDO PELO ARQUIVAMENTO
DO PROJETO.



Em nota o prefeito Irton de Oliveira Muzel, lamenta o pedido de arquivamento, para aquisição de móveis e eletrodomésticos dentre outros. O prefeito explicou ainda que, são recursos distintos e que segundo a funcionária do FNDE a Sra. Maristela, esse recurso não tem vinculo com à construção da obra do prédio da pró-infãncia. « É difícil conseguir recursos junto ao governo e quando isso ocorre, temos que correr contra o tempo para não perder o que conquistamos, infelizmente alguns vereadores não pensam dessa maneira e votaram pelo arquivamento do projeto, fazendo um gol contra. A justificativa apresentada pela comissão, é insatisfatória e não justifica o pedido de arquivamento, pois são recursos distintos, a obra da pró-infância é uma coisa e o recurso para aquisição de móveis, eletrodomésticos dentre outros trata-se de outro recurso. Quero parabenizar os vereadores Marson, Valdeci e Serginho, por entenderem a necessidade da população e da escola pró infância, que apesar dos percalços esta sendo construída e temos hoje uma previsão para entrega da obra. Os móveis  hoje não temos onde colocar, porém o processo licitatório requer vários passos, passos estes que podem demorar. O que não podemos é perder recurso, já liberado,  acredito ainda que a câmara possa rever esse arquivamento e dar a população esse recurso que já esta disponível em uma conta na Caixa Econômica Federal. Estarei enviando novamente o projeto e espero aprovação da câmara sob pena de perder definitivamente esse recurso o que seria uma lástima para a população,  afirmou o prefeito Irton da 7. Nossa reportagem tentou ouvir o presidente da câmara, porém o mesmo estava na cidade de Cornélio Procópio.   

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Pedro Lupion participa de entrega de unidades habitacionais‏

Pedro Lupion em Jundiai do Sul


Pedro Lupion participa de entrega de unidades habitacionais
Deputado anuncia novos investimentos em habitação em Jundiaí do Sul
O deputado estadual Pedro Lupion (DEM) participou na sexta-feira (dia 2) de solenidades de entrega de unidades habitacionais em dois municípios do Norte Pioneiro – Jundiaí do Sul e Conselheiro Mairinck. Lupion acompanhou o presidente da Companhia da Habitação do Paraná, Mounir Chaowiche, e na oportunidade anunciou novos investimentos habitacionais para Jundiaí do Sul, onde foram entregues as chaves de 19 casas populares na rua Nicanor Bueno Mendes. Segundo o deputado, em breve serão construídas mais 80 unidades no Município. “É muito gratificante participar de ações como essas. Sabemos que há muita gente precisando de auxílio do Estado, e quando isso acontece, sentimos orgulho em apoiar a administração do governador Beto Richa (PSDB), pontuou o deputado democrata.
Essas unidades entregues foram construídas em uma área de 793 metros quadrados, onde foram investidos R$330 mil em recursos da própria Cohapar. A infraestrutura foi feita pela prefeitura e cada casa tem 40 metros quadrados e cinco cômodos, que custaram o valor aproximado de R$17 mil. Outras 60 unidades foram aprovadas pela Cohapar para o Município, e dependem apenas da aquisição do terreno.
O prefeito Eclair Rauen (DEM) lembrou que “desde 2008 a população estava cadastrada em programas habitacionais e hoje vemos esse sonho transformado em realidade. Nossa cidade demanda muito investimento em moradias e eu, em nome da população, só tenho a agradecer por mais esta conquista da comunidade”, disse.
No Município está definida a construção de mais 20 unidades através do programa Morar Bem Paraná, investimento que aguarda somente a conclusão do processo de licitação feito pela Cohapar. “A meta do nosso governador é dar dignidade ao nosso povo e com casa própria isso é conquistado”, declarou Mounir Chaowiche.
Conselheiro Mairinck
No mesmo dia, foi inaugurado o Conjunto Vitória, em Conselheiro Mairinck . Durante o evento foi anunciado o convênio para a construção de mais 36 unidades no município, assinado pelo prefeito Juarez Lelis Granemann Driessen (PR).
O presidente da Cohapar, Mounir Chaowiche, entregou as chaves às famílias beneficiadas . As obras, iniciadas em 2006, foram construídas através do programa Casa da Família FGTS. Durante a cerimônia, Chaowiche foi enfático ao afirmar que “esta não é só uma obra, mas uma conquista entregue, pois estas construções vinham se arrastando há anos e agora, além de concluí-las temos o prazer de anunciar mais investimentos. Hoje atendemos 24 famílias, daqui alguns dias iremos entregar casas para mais 59 e, assim com muita luta, atingiremos nossa meta que é dar moradia a mais de 25 mil famílias em todo estado”, declarou.
Com investimentos de R$ 709 mil, as casas irão beneficiar famílias com renda de dois a cinco salários mínimos que foram cadastradas na assistência social do município.
O terreno doado pela prefeitura conta com área total de 37 mil metros quadrados, sendo 7, 8 mil usados nesta primeira fase. O local conta com casas que variam de 44 a 63 metros quadrados financiados em parceria com a Caixa Econômica Federal, pelo sistema de hipoteca, operacionalizado com recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e prazo de até 240 meses, sendo subsidiado conforme a renda do beneficiário.
O prefeito Juarez Driessen ressaltou a importância do conjunto habitacional para o município e anunciou investimentos na regularização de outras residências em parceria com a Cohapar. “Fizemos um levantamento e detectamos que 90% das casas da cidade não têm escritura. Aproveitando todo empenho da Cohapar na instalação destas famílias quero dar o apoio àqueles que já conquistaram seus lares no passado para que cada morador esteja em ordem com a documentação de sua residência, assim como esta comunidade que hoje ganha casa nova e regularizada”, declarou o prefeito.
As cerimônias de entrega das chaves contaram com as presenças secretário estadual do Trabalho, Luiz Claudio Romanelli (PMDB), do deputado estadual Pedro Lupion (DEM), do gerente do Escritório Regional da Cohapar em Cornélio Procópio, Claudiney Almeida e dos prefeitos de Jundiaí do Sul, Eclair Rauen (DEM) e de Ibaiti, Luiz Carlos dos Santos Peté (PSDB), entre outras autoridades e vereadores. O assessor parlamentar João Naime Neto representou o deputado federal Abelardo Lupion (DEM) nas solenidades

sábado, 3 de setembro de 2011

AGRESSÃO AO VEREADOR, ADVOGADO E FUNCIONÁRIO DA PREFEITURA DE SANTA AMÉLIA.

VEREADOR, ADVOGADO E FUNCIONÁRIO. (VANDERLEI DINIZ DA LUZ)



Conforme boletim de ocorrencia, o vereador Vanderlei Diniz da Luz, relatou ao BLog que na tarde de quarta-feira, dia 01/09,  em seu departamento adentrou o médico Dr. Samir, o provedor do Hospital o senhor Dir, o prefeito senhor Roderjan, seu irmão Wellington (chefe de gabinete), e mais um funcionário do hospital , e que a pessoa de Samir o agradediu. "Para minha sorte, estava na minha sala o vice prefeito Dr. Aníbal, que foi testemunha de tudo o que aconteceu, após a agressão o médico ameaçou a pessoa de Wlamir Wagner Wada, popular China, (Diretor do Jornal Caderno de Notícias", afirmou o vereador Vanderlei ao Blog. Vanderlei fez o B.O, foi ao Ministério Público e esta tomando as devidas providências legais. Já o diretor desse Jornal também procurou a polícia e fêz o boletim de ocorrência. " Tive que fazer o boletim, pois trata-se de uma ameaça, e também porque o médico em questão atende a maioria dos dias na cidade, e se eu ou alguem da minha família precisar de ajuda médica será que o profissionalismo e a ética falarão mais alto?", afirmou o diretor do Jornal e do Blog o senhor Wlamir Wagner Wada ( China ). No programa a hora da lenha, foi lido na integra o Boletim de Ocorrência feito pelo vereador, e os radialistas lamentaram o fato pois trata-se de uma pessoa que deveria cuidar das vidas e não ao contrário. A origem da confusão foi um comentário feito pelos radialistas a respeito de carro importado, onde não foi citado nome e nem marca de carro algum, pois em Santa Amélia existem aproximadamente 10 carros importados, relatou o vereador Vanderlei Diniz da Luz. Fica o espaço reservado nesse Blog, para o médico Dr. Samir,  também divulgar a sua versão dos fatos.