JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS

JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS
DE OLHO NO RADAR

BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS, AO BLOG DO JORNALISTA WLAMIR(CHINA) DO JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS, ONDE SUA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA, SEJA UM SEGUIDOR DO BLOG.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

SANTA AMÉLIA: ASSESSORA DO ATUAL PREFEITO E REELEITO CRIA POLEMICA.



É lamentável que uma assessora do prefeito, que é paga com o nosso dinheiro perca tempo em ficar instigando oposição e situação. Gente desçam dos palanques e vamos trabalhar por Santa Amélia. Não precisamos desse tipo de guerra fria, peço ao senhor prefeito que sempre pautou pela punição de funcionários de carreira. quando esse comete alguma irregularidade... que tome uma providência em relação a essa assessora que desnecessariamente postou em sua rede social esse tipo de provocação, o erro é humano o somos passivos dele. Esse suposto erro em nada tira o brilho da vitória do prefeito reeleito Jarbas Carnelossi, ganhou com méritos e que a  assessora faça seu trabalho e foque nele, porque você já esta aqui importada tirando mão de obra local. Tenho respeito pela sua pessoa, mas essa postagem vai na contra mão daquilo que queremos PAZ e TRABALHO. Pense nisso e senhor prefeito tome as mesmas medidas que adota com funcionários de carreira. ESTAMOS DE OLHO NO RADAR.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

PARANÁ: Governo deposita segunda parcela do 13.º salário.



O Governo do Estado deposita nesta terça-feira (20) a segunda parcela do décimo terceiro salário aos servidores públicos estaduais ativos, aposentados e aos pensionistas. Em 30 de novembro, o governador Beto Richa havia autorizado a antecipação de 50% dos valores.

A parcela que será depositada agora está sujeita aos descontos obrigatórios, como Imposto de Renda e Previdência, o que não havia acontecido com os valores antecipados. 

Serão atendidos com o pagamento todos os servidores ativos ocupantes de mais de 194 mil cargos e os aproximadamente 110 mil aposentados e pensionistas. No caso destes últimos, o pagamento será liberado no decorrer do dia, em razão de processamento bancário.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
[http:///www.facebook.com/governopr]http:///www.facebook.com/governopr e www.pr.gov.br

domingo, 18 de dezembro de 2016

BANDEIRANTES: INCÊNDIO EM ESCOLA.








INCÊNDIO NA ESCOLA MUNICIPAL SANTA TEREZINHA EM BANDEIRANTES, AINDA NÃO TENHO MAIORES INFORMAÇÕES. O INCIDENTE ACONTECEU HOJE POR VOLTA DAS 15 HORAS SEGUNDO INFORMAÇÕES.

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

JACARÉZINHO: Levantamento mostra que 75 municípios apresentam risco de epidemia de dengue.



Um levantamento feito pela Secretaria Estadual da Saúde mostrou que 75 cidades do Paraná estão em estado de alerta para epidemias de dengue, de acordo com o índice de infestação do mosquito transmissor. Os dados foram apresentados após o Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa) referente ao mês de novembro realizado por 303 municípios.

O LIRAa é um cálculo que compara a quantidade de imóveis visitados pelos agentes de saúde com a quantidade de focos com larvas do mosquito encontrados nessas visitas. “Atualmente, o Governo do Estado recomenda que as prefeituras façam esse levantamento nos meses de fevereiro e novembro para que possamos monitorar a situação no Paraná”, explica a chefe do Centro estadual de Vigilância Ambiental, Ivana Belmonte.

O resultado abaixo de 1% é considerado fora de perigo (menos de uma casa infestada para cada 100 pesquisadas), de 1 a 3,9% é estado de alerta (de uma a três casas infestadas para cada 100 pesquisadas), e acima de 4% há risco de surto e demanda ações emergenciais (quatro ou mais casas infestadas para cada 100 pesquisadas).

ALTO RISCO - Segundo o mesmo levantamento, três municípios apresentaram o índice de alto risco para epidemias, ou seja, com valor igual ou acima de 4%. São Miguel do Iguaçu, na região Oeste, registrou 4% de índice de infestação; Pitangueiras, no Norte Central, 4,63%; e JACAREZINHO, no Norte Pioneiro, apresentou o valor de 4,8%.

Além das cidades em risco, já foi confirmada a presença do vetor em 313 municípios do Estado em 2016. “Onde há mosquito, pode haver doença. Além da dengue, o Aedes aegypti pode transmitir várias outras patologias. Portanto, mesmo que o município ainda não apresente casos de dengue, o perigo existe e a principal recomendação é não deixar o Aedes nascer”, diz Ivana.

PREVENÇÃO – De acordo com o novo boletim divulgado pela Secretaria da Saúde nesta terça-feira (13), foram confirmados 298 casos de dengue no Paraná desde agosto de 2016. O informe também apresenta seis casos de chikungunya, sendo apenas um autóctone (em que a contaminação ocorreu no Estado), e nenhum caso de zika no período.

De acordo com a chefe do Centro Estadual de Vigilância Ambiental, apesar da redução de casos comparada ao mesmo período em 2015, os cuidados devem continuar. “Embora haja redução de 28% no número de casos, a população precisa manter as medidas preventivas para evitar a proliferação do mosquito”, enfatiza.

As recomendações são as mesmas, como não deixar focos de água parada, organizar uma rotina de limpeza semanal das residências e locais de trabalho, e eliminar qualquer possível criadouro de mosquito. A atenção deve ser especial com lixos, vasos, garrafas retornáveis, recipientes de descongelamento na parte de trás das geladeiras e caixas d’água.

sábado, 10 de dezembro de 2016

ABATIA: Justiça afasta procurador e condena advogados a devolver R$ 889 mil.



O juiz titular da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Ribeirão do Pinhal, Julio Cezar Vicentini condenou o procurador-jurídico da prefeitura de Abatiá, Francisco Pimentel de Oliveira e o advogado do município José Roberto de Souza, a devolveram aos cofres públicos R$ 889 mil que teriam sido pagos irregularmente aos dois servidores entre 2002 e 2012. A data da sentença é 30 de novembro, mas a o texto só foi liberado ao sistema na quinta-feira, 8.
Francisco Pimentel ainda foi teve o agravamento da sua pena com a perda da função pública. Além dos dois são considerados réus solidários os ex-prefeitos Edeval Soares Nogueira (2001/2004) e Irton de Oliveira Müzel (2005/2008-2009-2012), condenados ao pagamento de multa.
Os quatro foram denunciados pelo Ministério Público Estadual por improbidade administrativa. Os ex-prefeitos por conceder e os advogados por receber desde 2002 três gratificações acumuladas, com fundamento em dedicação integral, dedicação exclusiva e participação na comissão permanente de licitação. De acordo com a inicial, o procurador e o advogado receberam as gratificações ao mesmo tempo em que também trabalharam em casos particulares.
Conforme a sentença, além de receber as gratificações por atos administrativos dos prefeitos à época, tanto Pimentel quanto Souza atuaram em diversas causas de natureza particular na seara trabalhista, família e criminal. O texto assinado pelo magistrado diz ainda que os dois chegaram a participar de audiências judiciais durante o expediente municipal.
Julio Cezar Vicentini chega a dizer na sentença que é descabido o argumento da defesa dos dois servidores de que na condição de advogados municipais estavam cumprindo com seu papel perante a sociedade, pois quando não estavam em serviço pelo município estavam atuando em prol de pessoas carentes como defensores dativos nomeados pela Justiça. “Necessário considerar ainda que além de atuar em ações estranhas à administração, os advogados compareciam esporadicamente na prefeitura”, cita o texto da sentença.
O juiz cita o fato de Francisco Pimentel ser professor em uma universidade particular com sede em Bandeirantes, distante cerca de 25 quilômetros de Abatiá. Na instituição de ensino superior, Pimentel trabalhava desde junho de 2009, com carga horária de 21 horas, das quais 12 horas cumpridas no Núcleo de Práticas Jurídicas as terças, quintas e sextas-feiras, das 13h40 às 17h15. “Fica evidente que ele trabalhava como professores durante expediente municipal”, diz o juiz.
Além de condenar Francisco Pimentel a devolver R$ 514 mil e José Roberto de Souza a outros R$ 374 mil, a Justiça ainda notificou a atual prefeita Maria de Lourdes Yamagami (DEM) e fixou multa diária de R$ 100 mil se ela deixar de afastar imediatamente o procurador do cargo.
Outro lado
Procurado pela reportagem, o procurador jurídico da prefeitura de Abatiá, Francisco Pimentel de Oliveira disse sexta-feira, 9, por telefone, que foi notificado da decisão e que vai recorrer da sentença junto ao Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR).
O advogado José Roberto de Souza informou que ainda não foi notificado e que só foi informado da decisão pela imprensa. No entanto, ele disse que vai recorrer da decisão porque não há ilegalidade no que chamou de ‘incorporação salarial’ concedida através de lei municipal a todos os servidores do município que exercem funções ou ocupam cargos técnicos.
O ex-prefeito Irton de Oliveira Müzel confirmou que já foi informado da decisão, mas que também pretende recorrer. O político fez questão de dizer que apenas cumpriu com o que estava determinado em lei e que quando, nos últimos meses do seu mandato, foi notificado a suspender os pagamentos das gratificações aos dois advogados, atendeu imediatamente a determinação judicial.

ABATIÁ: MP AJUÍZA MAIS UMA AÇÃO CONTRA LOURDES YAMAGAMI PREFEITA .

PREFEITA LOURDES YAMAGAMI.

O Ministério Público Estadual, ingressou na quinta feira dia 24, com o ajuizamento de mais uma ação civil pública, contra a prefeita de Abatiá, Maria de Lourdes Yamagami (DEM), por crime de improbidade administrativa . Desta vez, a prefeita está sendo denunciada, por ter determinado a mudança deliberada do horário de funcionamento das repartições públicas municipais contrariando recomendação administrativa expedida pela promotoria de Justiça de Ribeirão do Pinhal, sede da comarca. Maiores informações no site da Tribuna do Vale.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

SANTA AMÉLIA: ASSALTO A SICREDI. A COISA FOI FEIA.

Adicionar legenda
FT. ILUSTRATIVA


AGORA A POUCO 3 E MEIA DA MANHÃ, BANDIDOS FORTEMENTE EQUIPADOS EXPLODIRAM A COOPERATIVA SICREDI. O IMPACTO DA EXPLOSÃO FOI TAMANHA, QUE ATINGIU UMA PAREDE DA CASA VIZINHA. MORADOR DESSA CASA PASSOU MAL, MAS GRAÇAS A DEUS ESTÁ SENDO MEDICADO.   SEGUNDO  FOTOS O ESTRAGO FOI ENORME. MORO MAIS OU MENOS A 1 KM DO BANCO E OUVIA DAQUI OS ESTOUROS. FIZ 2 VIDEOS AO VIVO ORIENTADO A POPULAÇÃO, LIGUEI PARA O 190 . QUERO DEIXAR CLARO NESSA POSTAGEM QUE O NOSSO EFETIVO É PEQUENO, MAS EM NENHUM MOMENTO DISSE A PALAVRA OMISSÃO POR PARTE DOS POLICIAIS LOCAL. LAMENTO TER QUE OUVIR ESSE TIPO DE CRITICA, AINDA MAIS VINDO DE UMA PESSOA QUE TENHO EM ALTA ESTIMA E CONSIDERAÇÃO. MAS PONDEREI PORQUE O MESMO DEVE ESTAR NERVOSO COMO QUALQUER OUTRO MORADOR ESTÁ, FORAM HORAS DE PÂNICO.  ESTAMOS DE OLHO NO RADAR.





















quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

ENCONTRO DOS PREFEITOS(AS): Detran apresenta projetos na área de trânsito para prefeitos eleitos.



Os programas e ações estaduais na área de trânsito e mobilidade são apresentados aos gestores municipais que participam do Encontro de Prefeitas e Prefeitos Eleitos, que acontece até sexta-feira (2), em Foz do Iguaçu. O encontro é promovido pelo Governo do Estado e Sebrae Paraná. O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) oferece uma série de convênios e parcerias para auxiliar as prefeituras na organização do tráfego urbano e na promoção da segurança viária. 

“Sabemos das dificuldades que os prefeitos enfrentam na administração dos municípios na área de trânsito, que exige equipes de engenharia, fiscalização, educação, além de atualização constante para acompanhar o crescimento dos bairros e atender as necessidades da população. A intenção é trabalhar em parceria e ajuda-los na prestação de serviços de qualidade”, explica o diretor-geral do Detran, Marcos Traad. 

MUNICIPALIZAÇÃO – Para atender as dificuldades dos municípios, principalmente os de pequeno porte, o Detran Paraná oferece uma nova modalidade de municipalização. Uma parceria capaz de viabilizar o funcionamento e permitir a organização de um cronograma para que os custos da prefeitura sejam programados e permitam a implantação total com maior tranquilidade. Por um prazo mínimo de 60 meses, o Departamento assume parte das atribuições inerentes ao município.

“Disponibilizamos, também, cursos de formação de agentes da autoridade de trânsito nas cidades conveniadas. O objetivo é garantir maior segurança e diminuir a impunidade, já que a fiscalização feita pelos municípios aumenta o controle e melhora as questões relacionadas à circulação, parada e estacionamento de veículos”, destaca Traad. 

Os agentes recebem formação em legislação, engenharia de trânsito, operação, psicologia aplicada, segurança no trânsito, meio ambiente, noções de primeiros socorros, além de aulas práticas de fiscalização. O treinamento tem carga de 140 horas/aula e é realizado pela Escola Pública de Trânsito do Detran, em parceria com a Escola de Governo. 

“Esse apoio do Detran é essencial para meu município, pois sofremos uma deficiência muito grande em nossa cidade. Nossa cidade cresceu sem planejamento, então as ruas não têm muito espaço e vamos ter que fazer uma readequação delas”, conta o prefeito eleito de Cantagalo, Jair Rocha. 

SINALIZAÇÃO – Para auxiliar o prefeito e sua equipe na sinalização das vias, o Detran propõe aos municípios um convênio em que fornece suporte técnico, de projeto, consultoria e cursos de introdução à engenharia de trânsito.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governopr e www.pr.gov.br

OPINIÃO SOBRE A MATÉRIA: AQUI EM SANTA AMÉLIA, PASSOU DA HORA DE RECUPERARMOS O NOSSO POSTO DO DETRAN, QUE FACILITARIA E MUITO OS USUÁRIOS QUE HOJE TEM QUE FAZER O DESLOCAMENTO ATÉ A COMARCA, CAUSANDO TRANSTORNOS COMO: PERDA DE TEMPO, CUSTO DE IR E VIR, E NO FINAL DAS CONTAS O IPVA VEM PARA O MUNICÍPIO. NÃO É JUSTO. (VOLTA DETRAN). ESTAMOS DE OLHO NO RADAR.