JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS

JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS
DE OLHO NO RADAR

BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS, AO BLOG DO JORNALISTA WLAMIR(CHINA) DO JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS, ONDE SUA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA, SEJA UM SEGUIDOR DO BLOG.

quarta-feira, 22 de maio de 2013

PARANÁ: Oposição consegue reajuste de servidores em uma única parcela



A bancada de oposição na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) conseguiu adiar a votação do Projeto de Lei nº 182/2013, que estabelecia o pagamento da Data-Base (6,49%) em duas parcelas aos servidores públicos. A maioria dos deputados estaduais assinou a emenda proposta pelo Fórum das Entidades Sindicais (FES), apresentada pela bancada do PT, estipulando que o pagamento do reajuste anual deve ser feito em uma única parcela. A medida foi uma vitória da bancada do PT na Assembleia e atingirá aproximadamente cerca de 240 mil servidores ativos e aposentados.
A categoria realizou diversas manifestações e compareceu às galerias da Alep durante a discussão do projeto na terça-feira (21). O governo do Paraná alegava que o reajuste precisava ser parcelado por conta do risco de a administração ultrapassar o limite imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) para gastos com pessoal.
Para a presidente da APP-Sindicato coordenadora do FES, professora Marlei Fernandes de Carvalho, foi muito importante nesse momento conseguir a suspensão da votação, os servidores estão defendendo desde 25 de abril a possibilidade que o governo tem em fazer o pagamento em parcela única.
Segundo Marlei, a bancada do governo percebeu e entendeu que a data-base é simplesmente reposição da inflação e deve ser paga em maio. Em matéria no site da APP-Sindicato, a presidente disse que a atuação dos servidores e da bancada do PT na Alep foram fundamentais. “O apoio que recebemos dos deputados do PT, em especial do Professor Lemos, que também participou da nossa vigília, foi exemplar. Além disso, a força do funcionalismo público estadual pode ser vista de maneira inequívoca”, afirmou Marlei.
“É uma vitória de todos os servidores públicos do estado do Paraná, porque no nosso entender os servidores do estado estariam perdendo bastante parcelando a data-base”, disse a líder da bancada do PT, deputada Luciana Rafagnin.
O Projeto será votado na próxima terça-feira, 28 de maio. De acordo com a deputada, o líder do governo se comprometeu que assim que a matéria for aprovada, será feito uma folha complementar para que os reajustes possam ser repassados aos servidores, pois a folha de pagamento de maio já está fechada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário