JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS

JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS
DE OLHO NO RADAR

BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS, AO BLOG DO JORNALISTA WLAMIR(CHINA) DO JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS, ONDE SUA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA, SEJA UM SEGUIDOR DO BLOG.

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Richa autoriza construção de sistemas de água em 99 comunidades rurais



O governador Beto Richa validou o processo licitatório para contratação de empresas que vão construir sistemas de abastecimento de água em 99 comunidades rurais de 96 municípios mais carentes do Estado. As localidades escolhidas apresentam Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) abaixo da média do Estado. O investimento será de R$ 11,3 milhões e vai beneficiar 20 mil pessoas. 

O programa completo prevê a construção de 480 sistemas de captação de água até 2014, a um custo estimado de R$ 58 milhões. Cada unidade é composta pelo poço, a rede elétrica fornecida pela Copel e as bombas e está orçado em R$ 185 mil. Desse total, o Estado entra com R$ 123,5 mil. A diferença fica a cargo das prefeituras, como contrapartida. 

O programa aproveita o potencial dos aquíferos subterrâneos existentes no Paraná. Além de melhorar a qualidade da vida nas comunidades carentes, com o fornecimento de água de qualidade, os sistemas permitirão irrigar áreas de plantio e beneficiarão pequenos produtores de leite, frangos e suínos, facilitando a limpeza de equipamentos e garantindo o consumo animal. 

O governador disse que o programa de abastecimento de comunidades rurais faz parte do plano de governo e sua execução foi antecipada para atender a um pedido de ajuda e tranqüilizar os prefeitos e comunidades de municípios afetados pela última estiagem, que provocou prejuízos e transtornos em diversas áreas rurais do Estado. 

Segundo Richa, o programa é resultado da soma de esforços das secretarias, deputados estaduais, prefeitos, lideranças e técnicos do Estado. “O sistema de água significa a possibilidade de modernizar a produção da agricultura familiar e das pequenas agroindústrias”, disse. 

De acordo com o presidente do Instituto das Águas do Paraná, Márcio Nunes, a medida vai assegura novas perspectivas para o homem do campo, que agora terá mais saúde e mais oportunidades de geração de renda. A iniciativa conta com o apoio da Companhia Paranaense de Energia (Copel) e Secretaria da Agricultura e Abastecimento. 

MICROBACIAS - Os sistemas de abastecimento público de água serão implantados em áreas de microbacias, conforme as normas do Programa Estadual de Manejo de Solos, Água e Biodiversidade em Microbacias, executado pela Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, que irá coordenar o programa. 

O tipo de sistema adotado será determinado de acordo com o IDH do município. O tipo I vai apoiar a instalação na comunidade de uma rede de distribuição com até 3.400 metros. Além do poço, será construído um reservatório com tratamento de água e equipamentos para distribuição da água. 

O tipo II será constituído basicamente pela instalação de um poço tubular e equipamentos de bombeamento para o reservatório, mas sem a rede de distribuição acoplada.
  O Bairro das Tres Águas em Bandeirantes foi beneficiado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário