JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS

JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS
DE OLHO NO RADAR

BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS, AO BLOG DO JORNALISTA WLAMIR(CHINA) DO JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS, ONDE SUA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA, SEJA UM SEGUIDOR DO BLOG.

terça-feira, 2 de julho de 2013

Abatiá: Detalhes da tragédia, segundo fonte tanosite.com

Nielson e Eliérica.


Um homicídio seguido de um suicídio chocou os moradores de Abatiá na tarde desta terça-feira. Um jovem de 20 anos matou a sua ex-namorada com nove facadas e se suicidou minutos depois de cometer o crime bárbaro. O homicídio foi cometido na casa da vítima, a comerciária Eliérica Augusta de Lima, 18 anos, por volta das 17 horas, quando a garota se preparava para ir à faculdade.

De acordo com informações da Polícia Militar, o crime teria acontecido depois que o jovem Nielson dos Santos Leite, 20, invadiu a casa onde Eliérica vivia com a irmã mais velha, na rua dos Expedicionários, no centro da cidade. O rapaz, provavelmente iniciou a série de golpes de faca ainda dentro da casa, mas a vítima ainda tentou fugir, caindo no quintal da moradia.

Após fugir – provavelmente usando o carro do pai -, deixando para trás a arma do crime, Nielson Leite se dirigiu à ponte sobre o rio Laranjinha, na BR-369, entre Bandeirantes e Santa Mariana, e cometeu suicídio, se enforcando na proteção da ponte. O corpo do rapaz foi encontrado logo após a descoberta do homicídio.

Apesar da brutalidade do crime nenhum vizinho ouviu gritos ou pedidos de socorro da vítima. Quem encontrou o corpo da garota foi a sua irmã, Eligelcia Augusta de Lima, 21 anos. Abalada com a cena que presenciou, a moça teve que ser levada à Santa Casa de Misericórdia de Abatiá.

Pelas primeiras informações colhidas com parentes da vítima e do suicida, a motivação do crime pode ter sido ciúmes. Ao que tudo indica, o rapaz que trabalhava com o pai na sorveteria de propriedade da família, não se conformava com o fim do relacionamento que já durava quase dois anos. O tio de Eliérica, José Carlos Batista, confirmou que o casal havia se separado há 15 dias.

Tanto Eliérica quando Nielson eram muito conhecidos em Abatiá. Os pais de Eliérica viviam em uma propriedade rural no bairro Pau Dalho. A jovem, que trabalhava em uma loja de móveis, costumava participar de concursos de beleza e chegou a ser coroada rainha da Festa do Peão de Abatiá em 2011. Já Nielson Leite faz parte de uma tradicional família de comerciantes da cidade.

Os dois corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) em Jacarezinho. Os horários do velório e do sepultamento dos dois ainda não foram divulgados pela família.
Fonte: tanosite.com

Um comentário:

  1. Que tragédia! Que Deus ilumine a família dos dois.
    Afinal nos últimos anos, Abatia e Santa Amélia esta acontecendo muita coisa ruim hein.

    ResponderExcluir