JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS

JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS
DE OLHO NO RADAR

BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS, AO BLOG DO JORNALISTA WLAMIR(CHINA) DO JORNAL CADERNO DE NOTÍCIAS, ONDE SUA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA, SEJA UM SEGUIDOR DO BLOG.

terça-feira, 2 de julho de 2013

Informe Saúde: Gripe Suina preocupa o Paraná e Secretaria de Santa Amélia, Eloá recomenda as pessoas cuidado veja a matéria.





SITUAÇÃO DA GRIPE NO PARANÁ - 2013
BOLETIM INFORMATIVO - 04/2013
Atualizado em 28/06/2013
Mortes por gripe estão ligadas a doenças crônicas e busca tardia por atendimento
A Secretaria estadual da Saúde divulgou nesta sexta-feira (28) um novo boletim sobre a situação da gripe no Estado. De acordo com o relatório, mais 11 mortes pela doença foram registradas neste mês de junho, sendo que oito dos pacientes tinham doenças crônicas graves que podem ter contribuído para o óbito.
Das 19 mortes confirmadas até agora neste ano, 14 tinham algum tipo de doença crônica, como problemas
cardíacos, respiratórios ou cerebrais, diabetes mellitus e obesidade grave. Segundo a médica Miriam
Woiski, da Secretaria da Saúde, isso serve de alerta para que doentes crônicos, familiares e profissionais de
saúde redobrem a atenção com a gripe, principalmente quando o paciente tem alguma doença grave.
“A gripe tem alguns sintomas característicos que se manifestam na maioria dos casos. Os principais são
febre alta e repentina, tosse, dor de garganta e mal estar geral”, explica a médica. A dificuldade de respirar é
outro sintoma comum, sobretudo quando o quadro clínico do paciente já está se agravando. “Nesta situação, a pessoa deve ser encaminhada imediatamente a um serviço de saúde para iniciar o tratamento”, alerta Miriam.
Além disso, outra situação frequente entre as mortes por gripe foi a busca tardia por atendimento. Em
média, as pessoas procuravam um serviço de saúde apenas três dias após o início dos sintomas e já em
estado grave. “Isso prejudica o tratamento, pois percebemos que a maioria dos óbitos está ocorrendo já na
primeira semana após o início dos sintomas”, conclui Miriam.
Os médicos da rede pública e particular de saúde do Paraná já estão orientados a prescrever o medicamento .O seltamivir a todos os casos suspeito de gripe, mesmo sem a confirmação laboratorial. A medida consta no protocolo de atendimento paranaense, pois o antiviral é mais eficaz nas primeiras 48 horas após o início dos sintomas.
A Secretaria da Saúde também enviou um comunicado às entidades médicas e secretarias municipais de
saúde detalhando algumas características dos casos de óbitos por gripe que ocorreram no Paraná. O objetivo
é mostrar aos médicos como a doença está se comportando no Estado, além de reforçar a orientação do uso do antiviral O seltamivir.
VACINA – Do total de mortes registradas no Paraná, 15 pessoas tinham direito à vacina durante a
campanha de vacinação contra a gripe, mas apenas três foram imunizadas. Para o superintendente de
Vigilância em Saúde, Sezifredo Paz, o dado mostra que os grupos prioritários da campanha realmente são osque correm maior risco de evoluírem para a forma grave da doença.
 Em Santa Amélia a secretaria de saúde Eloá recomenda, que qualquer tipo de sintoma de gripe procurar imediatamente o posto ou hospital, para tratar como se fosse gripe suína, essa medida foi adotada por precaução já que o vírus sofreu alteração e mesmo as pessoas que receberam a vacina correm risco de pegar a doença é claro que nesses casos o risco é menor. maiores informações pelo telefone: 3544-1310 Posto de Saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário